terça-feira, 26 de julho de 2011

клубника Романов

morangos Romanoff

Nicolau I da Rússia e a czarina vêm para o almoço? Não se desespere, oh caro leitor, não é necessário chamar Carême para impressionar na sobremesa. Esta sobremesa, embora muito simples, sempre impressiona.

morangos Romanoff

Morangos Romanoff

750g de morangos
2 colheres de sopa de Cointreau
1/4 de colher de chá de casca de laranja, ralada finamente
1 colher de sopa de açúcar
125 ml de creme de leite fresco
2 colheres de sopa de açúcar de confeiteiro

Lave muito bem os morangos, então corte as folhas e corte-os em quartos. Numa tigela misture os morangos, o licor, a casca de laranja e o açúcar, cubra com filme plástico e leve à geladeira por cerca de 2 horas.
Escorra os morangos e reserve o sumo. Reduza a purê cerca de um quarto dos morangos com o sumo que foi reservado. Pode fazer isso no liquidificador, no passe-vite, usando um hand-mixer ou até mesmo pressionando os morangos numa peneira.
Divida os morangos restantes em 4 taças. Bata o creme fresco com o açúcar de confeiteiro até que engrosse, junte o purê de morangos e coloque este creme por sobre os morangos.

Fica bastante elegante servido em taças de champagne abertas, como este meu modelo, em cristal Baccarat do século XIX.

5 comentários:

Bruna do Gourmandisme disse...

Além de ótima receita, adorei o texto "espirituoso"... rs beijos

Sil disse...

Adorei Daniel, sempre com bom gosto e requinte...
Bjssss

cronicas gulosas disse...

Adorei texto, fotos e receita. Abs

Jane Alves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jane Alves disse...

Nós cá por Portugal temos o "nosso" Cointreau , Triple-Sec nacional é mais barato, nacional e fácil de encontrar e tem o sabor indêntico, feito com laranja e flores-de-laranjeira.
Uma redução de 16 euros para 5 euros, que é muito bom em tempos de crise e sem perder o sabor e qualidade.

Abraços.