quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

estou só

"Bonjour, dit-il à tout hasard...
Bonjour... bonjour ... bonjour ... répondit l´écho.
Qui êtes-vous? dit le petit prince.
Qui êtes-vous... qui êtes-vous ... qui êtes-vous... répondit l´écho.
Soyez mes amis, je suis seul, dit-il.
Je suis seul... je suis seul ... je suis seul ... répondit l´écho."



"Bom dia, disse ele ao léu...
Bom dia... bom dia... bom dia... respondeu o eco.
Quem és tu? disse o pequeno príncipe.
Quem és tu... quem és tu... quem és tu... respondeu o eco.
Sede meus amigos, eu estou só, disse ele.
Estou só... estou só... estou só... respondeu o eco."



Trecho do livro O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry.


É, estar sozinho não é fácil, não só pela solidão, mas também pela comida. Não é fácil cozinhar só pra um, acabamos tendo preguiça de comer.
Desde que voltei faz uma semana que estou sozinho aqui em casa, acabo comendo só sanduíches e biscoitos.
Hoje resolvi fazer uma salada, não estava com muita fome. Algumas folhas de alface, alguns tomatinhos, pequenos pepinos de conserva, algumas lascas de queijo parmesão, um molho à base de mostarda e pronto, estava pronto meu almoço, acompanhado de dois pedaços de pão.


salada

Mas a formiga que mora dentro de mim falou mais alto. Senti vontade de algo doce. Então, inspirado numa receita de omelete doce que vi no livro "cozinha de bistrô", de Patricia Wells, resolvi inventar minha receita de omelete doce. Eis ela:

omelete doce

Minha receita de omelete doce com calda de pêras
(Para uma pessoa)

1 pêra descascada e cortada em 4 pedaços
1/2 xícara de açúcar demerara
1 colher de sopa de manteiga
1/2 xícara de rum escuro
2 ovos
açúcar refinado para polvilhar

Numa pequena panela, derreta a manteiga, junte o açúcar demerara e em fogo baixo deixe até que o açúcar tenha se derretido. Junte a pêra, mexa por cerca de 1 minuto, para que a pêra seja envolvida pelo caramelo, então junte o rum escuro, e sem parar de mexer cozinhe por mais 2 minutos.
Bata os ovos e numa frigideira com um pouco de manteiga derretida, espalhe os ovos batidos e deixe que eles cozinhem, não deve ficar muito mais de 1 ou 2 minutos no fogo. Dobre a omelete formando um canudo, transfira para um prato, polvilhe com açúcar e cubra com os pedaços de pêra e sua calda.

Com pouquíssimo trabalho, posso dizer que me alimentei bastante bem :)

8 comentários:

Cucchiaio Pieno - Receitas de uma cozinheira amadora disse...

Amo as citaçoes do "O Pequeno Príncipe", é a projeçao do estar so'. Morei sozinha muitos anos e sei como voce se sente em fazer suas refeiçoes so'. Em todo caso, parabéns pela receita maravilhosa (sozinho mas muito bem acompanhado). Léia

Adri disse...

O Pequeno Príncipe é minha leitura inesquecível, favoritíssima! Esse trecho também diz muito para mim...

Faz quase um ano que moro só. Faço minhas refeições invariavelmente sozinha. É muito triste cozinhar para um. Aliás, foi muito difícil de aprender como cozinhar em pouca quantidade... Por essas e outras, não tenho feito nada além do trivial.

Bela (e deliciosa) receita!

Lilian Mitsue Chiba disse...

Daniel,

Cheguei há poucas semanas a seu blog. E é uma delícia ler você. Que bom que tem escrito com mais frequencia.

Sou de descendência japonesa, e nosso omelete é adocicado. Tanto que estranho e tenho 'nojo' de omelete salgado.

Minha receita tem os seguintes ingredientes:
- 2 ovos
- 1 pitadinha de sal
- 1/2 colher de sopa de açucar
- um pouco de salsinha picada
- bastante cebolinha picada

Diogo disse...

tá bem, ótimo cardápio by ourselves!

bjos

Silvia disse...

Pois eu sempre tive que cozinhar para mim mesma. Aprendi com amigos - homens e cada qual cozinhava pra si.
Depois tive uma amiga européia que viveu muitas décadas só desde que os filhos cresceram e cozinhava maravilhosamente bem e com prazer para ela mesma.

Anita disse...

Sou fancofona como voce e adoro seu blog, muito elegante e conciso.

O meu blog e' mais pro lado "flamboyant".

Da uma passada la:

www.greetingsfromholland.blogspot.com

Abracos

Juju disse...

Ola Daniel...
Conheci seu blog pela comunidade Cozinha Sem Segredos... Gosto muito do seu blog, mas e a primeira vez que comento.
Na verdade, meu comentario e sobre o post passado, mas como nao sabia se vc ia ver, resolvi comentar nesse mais atual.
Esse O&Co, costumava ser um restaurante... Quando eu estava na faculdade de Gastro o dono desse restaurante foi dar uma palestra sobre azeites e nos falou bastente sobre esse tal de azeite de limao... Nos disse que havia um soufle de chocolate com azeite de limao de sobremesa, e eu pouco curiosa do jeito que sou tive que ir experimentar.
Era uma coisa de louco, de se comer ajoelhado... Nunca mais vou esquecer dessa sobremesa... Ja tentei fazer em casa, mas meu soufle nunca saiu como aquele...
Quem sabe se vc tentar..
Beijo!!!

Vera disse...

Oi querido Dani,
já estava com saudade dos seus posts. Ainda bem que retornou com td!
Bjo