sexta-feira, 15 de junho de 2007

pavlova

strawberry pavlova

Pavlova é uma sobremesa australiana, recebeu este nome em homenagem à bailarina russa Anna Pavlova. Já fiz várias vezes, hoje a decorei com morangos e amoras, mas também já fiz outras vezes, com morango, kiwi e polpa de maracujá, com as sementes mesmo. Fica uma delícia em ambas as versões. É uma boa opção para usar claras que sobraram de alguma outra receita que usa somente gemas.

Pavlova com frutas frescas

4 claras de ovos
250 g de açúcar
375 ml de creme de leite fresco, batido
frutas frescas para decorar

Pré-aqueça o forno a 150° C. Forre um tabuleiro com papel vegetal. Marque no papel um círculo com 20 cm de diâmetro, para servir de guia.
Coloque as claras de ovo numa tigela grande, limpa e seca, de aço inoxidável ou de vidro. Qualquer vestígio de gordura fará com que as claras não cresçam em castelo. Deixe que as claras fiquem em temperatura ambiente, depois com a batedeira elétrica, bata devagar até que comece a formar espuma, aumente a velocidade até que as bolhas diminuam de tamanho e fiquem uniformes. Quando estiverem em castelo, junte gradualmente, o açúcar, batendo constantemente a cada adição até que a mistura fique espessa e brilhante e o açúcar tenha se dissolvido. Não bata demais senão ficará com grúmulos.
Espalhe a mistura no papel e acerte o círculo, passando com uma espátula à volta dos lados e por cima. Passe uma faca ou espátula por cima e à volta da mistura, para fazer estrias. Isto fortalecerá a pavlova e dará um acabamento mais bonito. Asse durante 40 minutos, ou até que fique claro e estaladiço. Apague o forno e deixe a pavlova esfriar lá dentro com a porta entreaberta. Quando tiver esfriado, decore com o creme de leite batido e as frutas frescas.

Nota: Pode cozinhar previamente o merengue e manter durante a noite num recipiente hermético. Sirva até uma hora depois de decorar.

5 comentários:

Agdah disse...

Só não diga aos neozelandeses que a origem é australiana.

Daniel Figueiredo disse...

Hehe, eles brigam pela paternidade da Pavlova?

Luci disse...

Daniel, parabéns pelo blog!!! cheguei aqui através do link no blog da Sylvia. Já salvei algumas das receitas e vou testá-las com certeza.
Acho lindo panelas de cobre, não tenho nenhuma, mas vendo as suas fiquei com vontade de ter coisas de cobre na minha cozinha. :)
Muito legal ver um menino na sua idade tão interessado e dedicado a um assunto como esse.
bjus

ps. posso colocar o link do seu blo no meu? ele não é de culinária, mas muitos amigos o visitam.
ps 2 eu sou a Luci da CSS

Luci disse...

o link já está lá!! :)
assim que eu fizer alguma das receitas posto aqui!

bjus e bom final de semana!

Bem Vindos - Welcome disse...

OI a Pavlova foi reconhecida publicamente sendo Original da Nova zelandia. Veja no link. http://www.nzherald.co.nz/nz/news/article.cfm?c_id=1&objectid=10691193